Mato Grosso

Morre PM que bateu viatura em muro de escola durante perseguição

Após 5 meses

Publicado em: 10 de Setembro de 2018
Foto Por: Mídia News/Reprodução
Fonte: Mídia News
Morre PM que bateu viatura em muro de escola durante perseguição

O policial militar José Almeida Amorim, de 23 anos, morreu no Hospital Metropolitano de Várzea Grande, quase cinco meses após sofrer um acidente com uma viatura no Bairro Lixeira, em Cuiabá.

O acidente ocorreu no dia 26 de abril, durante uma perseguição policial. O PM dirigia a viatura e se chocou contra o muro de uma escola particular.

Além dele, também estava no carro, o soldado Diogo César Pereira, de 25, que teve apenas ferimentos leves e recebeu alta na mesma ocasião.

Amorim, por sua vez, sofreu traumatismo craniano e estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital.

Segundo a Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran), os médicos constataram a morte do PM depois da meia-noite em consequência de uma parada cardiorrespiratória.

O corpo do policial foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

O acidente

Os dois policiais perseguiam assaltantes que roubaram uma casa no bairro Bosque da Saúde quando ocorreu o acidente.

A viatura passava por um quebra-molas e um motociclista que seguia no mesmo sentido cruzou à frente do veículo. 

Para evitar a colisão, o condutor desviou, perdeu o controle da direção e atingiu o muro.

Com o forte impacto, a frente da viatura ficou completamente destruída.