16 de janeiro de 2021

Nova Ubiratã

Mato Grosso

Abílio perdeu para ele mesmo foi arrogante e faltou com respeito

Foto por: Midia news

A deputada estadual Janaina Riva (MDB) atribuiu a derrota do vereador Abílio Junior (Podemos), na disputa pela Prefeitura de Cuiabá, à postura adotada por ele no pleito.

Para a parlamentar, a reeleição do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) se deu por uma postura arrogante e de falta de respeito de Abílio com minorias, servidores públicos e a imprensa.

Abílio foi o primeiro colocado no primeiro turno da eleição, mas saiu derrotado nas urnas neste domingo (29) pelo atual prefeito, com uma diferença de 6.049 votos.

"Na minha opinião, o recado das urnas foi bem claro sobre o pavor do eleitor com relação aos posicionamentos radicais e sobre a instabilidade dos gestores. O Abílio veio com todo discurso de combate à corrupção, mas perdeu para ele mesmo ao adotar uma postura arrogante, de falta de respeito com a imprensa, com as minorias e os servidores públicos”, afirmou.

Para Janaina, faltou ao nome do Podemos saber dosar o discurso de combate à corrupção com o de conciliação. Ela citou como exemplo o ex-governador Pedro Taques (SD).

“Política é a arte de agregar, de conciliação. Por mais que o apelo de combate à corrupção seja forte, neste caso em específico, foi enterrado pela postura do candidato”, disse.

“Mato Grosso teve um exemplo recente deste tipo de postura, que foi o ex-governador Pedro Taques. Se elegeu com o discurso do Abílio, mas foi um péssimo gestor”, acrescentou.

Janaina foi contra Emanuel no primeiro turno, já que apoiou Roberto França (Patriota). Já no segundo turno  manteve a neutralidade. Ela citou o papel da primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, na campanha.

“Não posso deixar de enaltecer a força do MDB, que elegeu os prefeitos das duas maiores cidades de Mato Grosso - Cuiabá e Várzea Grande - e das mulheres nesta disputa. A Márcia Pinheiro também teve um papel fundamental. Ela foi brilhante ao liderar esse movimento das mulheres, que ajudou muito o Emanuel e conseguiu agregar muita gente”, afirmou.

Atrito com Mendes

Com a reeleição de Emanuel, a deputada afirmou que o momento é de acalmar os ânimos. Para ela, o atual prefeito deve fazer as pazes com o governador Mauro Mendes (DEM).

Desde que Mendes tomou posse, os dois vêm protagonizados trocas de farpas públicas.

“Agora acredito que seja o momento de virar a página e construir uma nova história de conciliação com o Governo do Estado", completou.

 

Fonte: Midia newsmidia news

Escrito por: Midia news

Somos o Ubiratã News, um site de notícias que tem o prazer
em dar a notícia, receber as opiniões de vocês amigos
leitores, onde podemos debater ideias