13 de junho de 2021

Nova Ubiratã

Mato Grosso

STJ mantém mandado de prisão expedido contra dono da Verde Transportes

Foto por: Olhar juridico

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou liminar que buscava revogar mandado de prisão em face do empresário Eder Pinheiro, dono da Verde Transportes, alvo da terceira fase da Operação Rota Final. O mandado ainda não foi cumprido. Decisão é desta quarta-feira (9) e foi proferida pelo ministro Olindo Menezes. 

O conteúdo integral da decisão ainda não foi divulgado. A expectativa é de que a publicação ocorra na quinta-feira (10). A terceira fase da Operação Rota Final foi deflagrada no dia 14 de maio pelo Ministério Público de Mato Grosso, por meio do Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco) e do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco).

A Rota final busca apurar crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e fraude a licitação do setor de Transporte Coletivo Rodoviário Intermunicipal de Passageiros de Mato Grosso (STCRIP-MT), promovida pela Secretaria de Infraestrutura do Estado de Mato Grosso e  Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados (Ager). 

A investigação, iniciada na Polícia Judiciária Civil do Estado de Mato Grosso, foi encaminhada, com autorização do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso (TJMT), ao Gaeco em meados de 2019, onde foi concluída pelas autoridades policiais do Grupo Especializado, com supervisão do Naco Criminal.

Entre os investigados na rota final está o deputado estadual e atual líder do governo, Dilmar Dal Bosco (DEM). Suplente, Pedro Satélite também é um dos alvos.

Com a negativa de liminar, Eder Pinheiro tem como opção aguardar o julgamento de mérito ou tentar liberdade no Supremo Tribunal Federal (STF). 

 

Fonte: Olhar juridico

Escrito por: Olhar juridico

Somos o Ubiratã News, um site de notícias que tem o prazer
em dar a notícia, receber as opiniões de vocês amigos
leitores, onde podemos debater ideias