TCU condena ex-secretários de saúde a devolverem R$ 559 mil aos cofres públicos

Publicado em: 24 de Junho de 2020
Foto Por: jw
Fonte: nn

O Tribunal de Contas da União (TCU), condenou os ex-secretários municipais de Saúde de Sinop, Francisco Specian Junior e Manoelito Rodrigues, a devolverem R$ 559 mil aos cofres públicos, referente a possíveis irregularidades que teriam cometido quando estavam à frente da pasta.

Segundo o documento, o valor pode chegar a R$ 800 mil com as correções e multas. Em contrapartida, Manoelito afirmou que já está recorrendo à decisão, e apresentará a documentação exigida que comprova a destinação do dinheiro e que não houve desvio de recursos públicos.

Já o ex secretário Francisco afirmou que vai entrar com recurso para comprovar que não houve irregularidade. Na decisão tomada pelo TCU, consta que os ex-secretários não conseguiram comprovar a aplicação R$ 559 mil repassados para o município por meio do Fundo Nacional de Saúde, configurando assim que houve irregularidades nos processos.